terça-feira, 11 de maio de 2010

Paulo Coelho – A Bruxa de Portobello

Pág.65

“(…) prefiro aceitar a minha solidão: se tentar fugir dela neste momento, nunca vou voltar a encontrar um parceiro. Se a aceitar em vez de ficar a lutar contra ela, talvez as coisas mudem.”

Sem comentários:

Enviar um comentário