sexta-feira, 4 de junho de 2010

Paulo Coelho – A Bruxa de Portobello

Pág.261

“O que eu via no armazém era uma mulher a dizer: Vocês são capazes, façam o que a Grande Mãe ensina – confiem no amor e os milagres vão realizar-se. E a multidão concordava, mas isso não devia durar muito tempo, porque estávamos numa época em que a escravidão era o único meio de encontrar a felicidade. O livre-arbítrio exige uma responsabilidade imensa, dá trabalho e traz angústia e sofrimento.”

Sem comentários:

Enviar um comentário